EM 23/11/2020 AS 12:23

Como ajudar a criançada com os estudos em casa?

Estamos vivendo um tempo de grandes mudanças, seja na forma como nos relacionamos, como trabalhamos ou como andamos na rua; é tudo novo, e vamos nos adaptando um pouquinho a cada dia. Para os pequenos, não é diferente: mudou o conceito de visitar a família, de brincar com os amiguinhos e também o método de ensino, assim como tudo relacionado à escola. A diferença é que, para eles, tudo ainda é novidade nesse mundão e, por isso, mudanças podem ser mais complicadas. Então, no post de hoje, vamos aprender como ajudá-los a passar por esse período de transição na educação, afinal, agora, eles precisam de nós mais do que nunca.

Não sobrecarregue seu filho!
Não é porque, neste momento, o pequeno está mais tempo em casa que todo esse período deva ser preenchido com estudo. Sobrecarregar a criança pode acabar nutrindo nela um desprazer pelo estudo em casa. Além disso, exigir demais pode tornar a criança cansada e desestimulada. Então, lembre-se de respeitar os intervalos e intercalar as atividades da escola com momentos de lazer, descanso, entretenimento, etc. Equilíbrio é a chave!
Que tal criar uma rotina de estudos em casa?
Ok, parece algo “chato” de se pensar, mas estabelecer uma rotina é necessário, é a forma como as crianças se sentem mais seguras para realizarem algo. Criar uma rotina de estudos como se a criança estivesse na escola é uma forma de ajudá-la a encarar as atividades de forma mais natural, além de torná-las realmente um hábito. É recomendado que as crianças (assim como os adultos em home office) acordem em seu horário habitual, se vistam e se alimentem de maneira saudável para, então, se dedicarem ao estudo, quase sempre online, dos conteúdos que seriam trabalhados em sala de aula. Atenção: na escola, as crianças não estudam o tempo todo, então lembre-se de permitir um horário para atividades físicas e não se esqueça de caprichar no lanche para a hora do recreio!
Crie um ambiente próprio para os estudos
Sabemos que estar em casa nos faz pensar que estamos totalmente livres para realizar as atividades como preferirmos, mas vamos concordar que estudar deitado na cama ou na frente da TV não é muito produtivo, certo? Procure oferecer para a criança um lugarzinho específico para o momento dos estudos, um ambiente tranquilo e livre de distrações, especialmente preparado para que ela consiga se concentrar e realizar as atividades da melhor forma possível. Esse lugar dele ser bem iluminado, ventilado, arejado e deve ter espaço para computadores, cadernos, livros e tudo o mais que o pequeno possa precisar.
Ajude, mas não estude por ele!
Nesse novo mundo que estamos conhecendo, você talvez esteja sentindo como se tivesse voltado para a escola também, por causa do apoio que precisa dar ao seu filho vez ou outra, né? Esse momento de relembrar os conteúdos, ensinar e estudar juntos é muito positivo para a família, e é super importante que os pais estejam presentes, não só para tirar dúvidas, mas para ajudar com a organização e o planejamento dos estudos – mas, lembre-se; ele é o aluno, e deve ter sua autonomia! Deixe que ele defina o que estudar primeiro, a forma de aprender que mais lhe agrade, etc. Dando essa liberdade, o momento do estudo pode se tornar mais interessante e prazeroso para ele, além de mostrar sua confiança nele para tomar as próprias decisões.
Esteja presente, sempre que puder!
Estar presente não significa ficar “em cima”, cobrando mais tempo de estudo, resultados melhores ou corrigindo com agressividade o tempo todo; isso provavelmente vai desestimular a criança em vez de ajudá-la. Estar presente é conversar com ela ao fim das aulas, pedir que explique o que está aprendendo no momento, se está gostando, quais dificuldades está tendo, além de elogiar os trabalhos bem feitos e, quando necessário, criticar com cautela e justiça. Lembre-se de que o cenário é novo para o pequeno assim como é para você, então é importante que vocês sempre estejam em sintonia, para passarem por isso juntos, como uma família!
Promova momentos divertidos ligados aos estudos!
Manter o interesse da criança pelos estudos nem sempreserá uma tarefa fácil; então, quando tiver uma chance, crie algo divertido relacionado ao conteúdo que ela estiver aprendendo! Se preferir, promova pequenos desafios diários ou semanais, reconheça os resultados e, se for possível, dê pequenos prêmios pelas etapas concluídas, além de dar dicas sobre as dificuldades, para que não se repitam. Tudo isso vai ajudar a manter o pequeno motivado em relação aos estudos, além de incentivar seu amor pelo aprendizado de forma simples e natural.
Aproveite essa situação em que estamos todos em casa para conhecer melhor o seu filho, saber de quais assuntos ele mais gosta, como costuma estudar, que dificuldades costuma ter, etc. Esse aprendizado pode ser bem útil no futuro, quando outros problemas e oportunidades surgirem, e o espírito de união da família tende a se fortalecer sempre mais quando todos trabalham juntos para superar cada momento!
comments powered by Disqus


COLEÇÃO